Pular para o conteúdo principal

Postagens

Sempre

Gostei de ver o melhor da vida.
Acreditar serem os dias alimentados pela esperança os dias possíveis para toda e qualquer realização.
E se caso nem tudo for possível, pelo menos a esperança tem esse poder de manter a chama acesa.
Acho triste, muito triste quem só  vê o lado negativo e as impossibilidades antes de sonhar com as realizações.
Talvez seja por acreditar na força da esperança é  que eu  não  deixo de sorrir. Se sentir necessidade até  choro, me permito, mas logo respiro fundo e revejo a Esperança toda enfeitada de todos os verdes me este.rendendo a mão e me oferecendo o abraço. Assim consigo seguir minha sina de quem acredita e que faz os dias serem melhores.
Sempre gostei de ser assim.
Alice Alquimia
Sábado, 18 de maio de 2019
Outono de manhã de chuva no Brasil
Postagens recentes

Entrevista - Miguel Falabela entrevista Claudia Gimenez

Poesia- Com Marília Pera de Carlos Drummond de Andrade

Homenagem - Miguel Falabla homenageia Marcia Cabrita

Nesse fim de semana e por uns dias não visitarei meus amigos na Internet. Motivo: Estarei em Visita a minha Mãe que  vive longe. Alice Alquimia Outono de Maio de 2019

Dias das Mães - Poesia com Miguel Falabela

Entrevista Miguel Falabela no programa Mais Você

Minha viagem

Essa minha viagem acontece sempre cada vez mais
fundo e sempre pra dentro mesmo que fora.
 Sigo abrindo caminho para para as sensações
 mais dversas e que já tentaram me crer  não ter direito.
E tenho si. Por isso nem só menina, nem só mulher sigo
sem cuidados aproveitando cada insante e
a cada respirar permito um novo extase.
Jamais levarei minha vida sem valorizar
tudo que sinto e  que permito.
Venha comigo, cada um no seu tempo, cada um no seu lugar...
 E assim  juntos ainda que separados minimizando sem
desprezar e campo dos sentimentos;
desbravemos o campo das inimagináveis
sensações...
Essa é a minha e se desejar tambem a sua viagem.
Alice Alquimia
Um dia de maio de 2019
Das de Outono no Brasil

Texto 21 - Comigo vem

Todos os dias as vontades mais intensas e
junto tras as histórias das histórias.
Tanto as de muitos e um pouco das minhas também.
Um sopro no pescoço com arrepios leves e multiplos.
Essas são vontades das vontades que ficam escondidas
 aguardando serem despertadas até se tornarem incontrolovelmente
inesquecíveis.
Comigo vem e assim continuarão nessa aventura deliciosa
de viver e acontecer.
Alice Alquimia
Domingo de Páscoa, 21 de abril e 2019
Outono no Brasil



Texto 20 - Consciência

É a delícia de saber viver a alegria de cada dia.
É  deixar as lagrimas rolarem na hora que
a alma assim decide.
É não complicar aquilo que não precisa ser
dificultado. É não precisar explicar mais
essa ou aquela situação
Consciência
É saber fazer da Vida uma linda  Poesia
 na simples forma de
melodia.
Alice Alquimia
Segunda- feira, 15 de abril de 2019
Outono no Brasil

Entrevista - Chico Anísio no Programa do Jô

Texto 19 - Novidade de Vida

Acordar todos os dias é um ato a ser celebrado
com alegria e pompa.
Abrir os olhos, esticar braços e pernas,
bocejar com toda vontade é uma
dessas formas de celebração.
Depois tomar uma xícara de café ou chá
 ou até mesmo um copo de água ou suco
é a continuação dessa maravilhosa festa
que é o viver um dia por vez
e assim alimentar sempre e sempre
essa Novidade de Vida que é o viver.
Alice Alquimia
Segunda-feira, dia 08 de abril de 2019
Outono típico no Brasil,
Típico por estarem os dias quente como no Verão

Entrevista - Dicró no Programa do Jô

Texto 18 - Aqui e Ali

Construir a nossa história deve ser sempre algo bom.
Independendo das circunstâncias de Janeiro a Dezembro
seguimos amando e sendo amados, trocando experiências,
assumindo nossas  limitações  sem receio da verdade.
Nem por isso a vida é fácil,
ou menores os desafios.
Hoje contudo é o tal 1º de Abril,
tempo de caminharmos de mãos dadas
rindo, cantando e refletindo, sem perder
o brilho nos olhos.
Assim seguimos construindo a
nossa história somando um dia de cada vez.
Alice Alquimia
Segunda-feira dia 1º de Abril de 2019
Outono aqui no Brasil

Entrevista - Carlos Jobin no Programa do Jô

Texto 17 - Juntos

E gente segue assim juntos, 
em acordo como quem  canta uma só canção.
Daquele jeito sem combinar^quando um para de falar 
o outro continua a frase , pensamento ou
mesmo a forma de calar juntos.
Tudo entre a gente significa alguma 
coisa no tempo certo.
A gente é assim, desse jeito faz tempo.
E assim vamos seguir simplesmente juntos.
Alice Alquimia
Quarta feira, 27 de Março de 2019
Agora outono no Brasil

Poesia - Com Miguel Falabela no Programa do Jô

Entrevista - Paulo Gustavo no Programa do Jô

Texto 16 - Instante

Avidaé assim: uma sucessão de acontecimentos.
 Muitas vezes perdemos o tempo ou o compasso sem nem
percebermos.
Em um instante é manhã e logo já é quase madrugada.
Por isso é primordial não perdemos um instante
do nosso tempo para amarmos e nos alegrarmos com 
aqueles que nos são preciosos.
As nuvens o vento leva.
As ondas voltam para o mar.
Enquanto isso o ar passa por nosso sistema e assim
o celebro é oxigenado renovando as multiplas
possiblidades.
Alice Alquimia
Segunda-feira, dia 17 de março de 2019
Quase final de verão no Brasil



Poesia - Mãe de Mario Quintana por Miguel Falabela

Texto 15 - Braços em Abraços

Braços que envolvem, apertam e puxam cada vez mais mais para perto
o outro ou a outra; em um movimentar de afagos, afetos afoitos.
Abraços tão singulares ainda acontecendo em momentos e momentos.
Gesto e Gestual daqueles entre amantes predestinados
 perfeitamentes amoldados um ao outro.
Braços em Abraços, entregar inteira,  sem defesa e sem lembrar
 o tempo enquanto tudo ao redor perde o significado 
e não exige mais mais razão.
Alice Alquimia
Quarta-feira, 13 de março de 2019
Verão no Brasil

Texto 14 - Com beleza sempre

O dia vai chegando ao fim tal qual
água escorrendo entre os dedos;
muitas vezes com pressa outras não...
apenas escorrem.
Os encantamentos do dia já procuram
as sombras para descansarem suas emoções e
a magia da noite se aproxima das estrelas
para de seu brilho tirarem o melhor em noites
claras e nas noites escuras buscarem as nuvens
como refúgio para seus encantamentos.
O dia vai assim como que escorregando
enquanto a noite vem
com  certa rapidez para logo
bem logo se instalar e soberanamente reinar
com a beleza de sempre e
sobretudo hoje tanto o dia quanto
a noite haverão de se curvarem diante da magnitude
do Ser Mulher em todas as suas faces e fases.
Alice Alquimia
Sexta feira, 08 de março de 2019
Pós Carnaval e ainda Verão no Brasil

Texto 13 - Assim Nua na Chuva

Que  a chuva bem vinda molhe meu corpo todo e sem trégua e sem
esquecer de nenhum lugar.
Que lave assim minha carne, minha alma e também
 meus sentimentos tão diversos.
E que assim lavando leve para sempre e para longe
tudo que me afastar de mim mesma.
Que assim nua eu permaneça depois que a chuva
passar.
Não nua de vestes mas sim de sentimentos e atitudes
que não me coduzam ao meu destino.
E caso a chuva volte, será sempre bem vinda como é bem
vinda essa nova era, esse novo tempo e esse novo mes.
Eu os receberei com alegria
Assim Nua na chuva.
Alice Alquimia
Sexta feira, 01 de Março de 2019
Verão e Carnaval no Brasil

Texto 12 - Verdade

É olhar-se no espelho e reconhecer-se de pronto.
É não dissimular sobre os próprios quereres.
É saber controlar o próprio ir e vir favorávelmente.
Verdade não é apenas uma palavra; é um conjunto de ações
conduzidas pelo abraço a si mesmo.
Não é egoísmo ou egocentrismo; é assumir-se sem mascara
e sem falsas considerações.
Para a partir dessa aceitação olhar o mundo com alegria e
disposição para as mudanças de cada instante.
Encarar a Verdade é e deve ser simples  desse jeito.
Alice Alquimia

Quarta feira, dia 27 de fevereiro de 2019
Verão no Brasil

Texto 11 - Abstinência - ⇑⇑⇑ LEMBRETE ⇑⇑⇑ (PARA SEGUIR ESSE BLOG SIGA ⇑⇑⇑ NA FAIXA ACIMA NO TÍTULO DO BLOG ⇑⇑⇑

É essa boca seca e essa vontade sem ser saciada.
São os pensamentos indo e  vindo sem trégua.
Sãos os sonhos acompanhados de acordar
banhada em suores gelados e arrepios
contínuos.
Abs-ti-nên-cia é essa falta, essa  ausência e
essa saudade sustentada
pelos suspiros e as lembranças acesas
de momentos extrardináriamente
muito bem vividos.
Alice Alquimia
terça feira, 26 de fevereiro de 2019
Verão no Brasil

Texto 9 - É tato, contato e sensação

Há sensibilidade tamanha dessas de arrepiar irremediavelmente
 o corpo todo.
Apenas um toque, um sopro, uma brisa. basta para desencandear ondas
de calor, de frio e de sentimentos suficientes para causar
uma explosão.
É tato, contato e sensação.
É um mundo inteiro no toque de uma simples mão...
Alice Alquimia
Sexta feira, quinze de fevereiro de 2019
Verão no Brasil

Texto 8 - E o dia veio assim

Bem devagarinho o raio de luz foi se enfiando
quarto a dentro.
Tanto iluminando quanto acordando cada pedaço
daquele corpo cansado da noite de amor.
Já estava só.
Mas guardava em si as marcas da intensidade
de cada momento vivido e da sede e fome
saciados.
Alice Alquimia
quarta feira, fevereiro, dia 06 de 2019
Verão no Brasil

Texto 7- Porque a Vida é assim

Sem explicação.
Sem sentido muitas vezes somente o que nos
resta é remar seguindo em frente quase cegamente.
Não dá pra chorar continuamente, mas também não dá
fingir não sentir:
Sejam as tragédias mundiais lá bem longe,
sejam as barreiras por aqui,
seja o com triste acontecimento os meninos do futebol
ou o a morte insperada e trágica de um extraordinãrio
jornalista.
Que sei eu da vida? Nada.
Mas sei que
Tudo segue seu rumo e sempre adiante
Porque a Vida é assim...
Alice Alquimia
3a feira, 12 de fevereiro de 2019
Verão no Brasil

Texto 6 - Era só uma menina

Parecia tão frágil quando olhavam pra ela.
Mas na verdade era apenas uma proteção contra
gente que invade a alma para destruir de dentro pra fora sem piedade.
Na verdade, aquela menina era um vulcão em múltiplos sentimentos e sensações
 bem guardados, apenas a espera daquela única fagulha...
Ainda assim
 Era apenas só uma menina.
Alice Alquimia
3a feira, dia 05 de fevereiro de 2019,
Verão no Brasil.

Texto 10 - Acontece sim

Da gente ficar cansado, mas tão cansado que
dá vontade de ficar quietinho, mas quietinho de tudo.
Se fot possvel nem dos olhos piscar.
Deixar a mente drm imagens e sem pesnamentos.
Nada de triste ou de alegr, só descando de corpo e mente.
Acontece mesmo de a gente ficar muito cansado de o corpo
não querer responder e da mente se negar a criar e a arrumar a sitações.
Mas acontence de a gente ser gente
e de ter apenas essas vontade bem as vezes, mas é uma vontade
que logo passaPporque o bom da vida é esse conjunto de ação e pensamento
todos ser em movimento e em muktiplas projetoções e  esse misto de alegria
e tristeza, de vontade e falta dela.
Acontece sim a vontade de adoemecer, mas prevalece a vontade de acordar,
sacudir uma vontade e acordat muitas outras.
Ah acontece sim.
Alice Alquimia
Quarta feira, dia 20 de fevereiro de 2019
Verão no Brasil